28 de jan de 2011

My Best Friend's Birthday


Quentin Tarantino. Para mim, um dos mais geniais autores de cinema da História.

Com filmes violentos, densos, sarcásticos e com um senso de humor ácido e deturpado, Tarantino se tornou um dos maiores e mais bem-sucedidos profissionais de sua área, tendo uma autonomia que poucos conseguem junto aos grandes estúdios de Hollywood, além de sempre "apadrinhar" diversas produções independentes.

Contando com um currículo de filmes como Cães de Aluguel, Pulp Fiction, Kill Bill: Vol. 1 e Vol. 2 e Bastardos Inglórios, Tarantino, além de diretor, normalmente atua em seus filmes e também trabalha como produtor, roteirista e fotógrafo.


Apesar de muitos terem como certo que o primeiro filme de Tarantino seja o ótimo Cães de Aluguel, a sua primeira obra foi My Best Friend's Birthday, filme amador que, segundo o próprio, foi mais uma espécie de "teste", onde pode experimentar a vontade para, enfim, fazer seus próximos filmes.

Filmado em preto-e-branco, em uma câmera amadora, o filme, escrito por Tarantino e Craig Hamann (que também atuam), foge do estilo pelo qual Tarantino seria conhecido mais tarde, sendo o filme bastante cômico, puxado para o gênero da comédia.


Ele conta a história de Mickey, que é deixado por sua namorada em seu aniversário. Seu melhor amigo aparece e tenta animá-lo de diversas maneiras, que quase sempre dão extremamente errado. Um fato interessante é a aparição de vários nomes nos créditos que trabalhariam nos outros filmes de Tarantino, como Roger Avary, Linda Kaye e o próprio Hamann.

O filme originalmente tinha 70 minutos, mas, devido a um incêndio, só foram salvos 36 minutos, que foram liberados na internet. Confira abaixo, legendado (se houver problemas com as legendas, veja na página do Youtube.)

Nenhum comentário: